Guia da Frauen-Bundesliga 2019/20

No momento em que o futebol feminino ganha cada vez mais força no mundo da bola, o Fussball Brasil preparou pra você um pequeno guia da temporada 19/20 da FLYERALARM Frauen-Bundesliga 

A taça da Frauen-Bundesliga (Foto/Reprodução: DFB-Frauen)


No embalo da Copa do Mundo FIFA de Futebol Feminino 2019, que foi um grande sucesso batendo recordes de audiência por todo o globo, o futebol alemão feminino se prepara para mais uma temporada que promete boas disputas. Confira um guia resumido sobre os principais destaques e conheça um pouco mais dessas mulheres que esbanjam qualidade técnica, garra e determinação.

Luta pelo título


Wolfsburg e FC Bayern estabelecem um claro domínio e certamente são os favoritos ao título. As Lobas do Wolfsburg são as atuais campeãs da Frauen-Bundesliga e DFB-Pokal, além de obterem uma hegemonia em relação aos outros clubes. Com a base mantida e reforços pontuais, o Wolfsburg vem forte pra defender o caneco e disputar também o título da UEFA Champions League. Ewa Pajor, Pernille Harder, Alexandra Popp, Gunnasdottir são alguns dos destaques da forte equipe montada pelo VfL. Agora eles receberão a ajuda das recém chegadas Fridolina Rolfö, Svenja Huth, Hedwig Lindahl, que devem ter papel importante no elenco. Já são três temporadas consecutivas em que o esquadrão leva a Copa e o Campeonato na mesma temporada. A tarefa de continuar vencendo os títulos é sempre complicada, mas o plantel já mostrou que tem personalidade o suficiente para assumir um papel de protagonismo e dominância.

Já pelo lado das Bávaras, a missão é encerrar o jejum e voltar a conquistar títulos dentro da Alemanha. Com a concorrência pesada do Wolfsburg, o Bayern München se reforçou trazendo como principais contratações Linda Dallmann, destaque do SGS Essen, Ali Riley, do Chelsea e a jovem Giulia Gwinn, de apenas 19 anos. Revelada no Freiburg, a garota se destacou na Copa do Mundo de 2019 pela Alemanha e dá indícios de que pode vir a se tornar uma das melhores jogadoras do futebol mundial. Outro grande nome que chega é Carolin Simon, defensora da seleção alemã e que acumulou títulos no Lyon, da França. Elas se juntam a um elenco que já conta com Lina Magull, Melanie Leupolz, Mandy Islacker, entre outras. E mesmo com a saída de Sara Däbritz, líder técnica do time, é sem dúvidas um grupo qualificado e que pode fazer frente ao Wolfsburg.




Podem surpreender

Em um patamar abaixo, temos os extremamente tradicionais Turbine Potsdam e 1. FFC Frankfurt, duas das maiores equipes do Frauenfussball, e que talvez possam surpreender a dupla favorita ao título da competição. Com menos poder de investimento, pesa ao lado desses clubes o peso da camisa e a tradição. Pelo lado do Potsdam - terceiro colocado na temporada 18/19, só atrás de Wolfsburg e Bayern - Lara Prasnikar é a principal esperança de gols de um elenco extremamente jovem. Pelo lado do grande rival, o 1. FFC Frankfurt, a esperança é de uma temporada bem melhor que a anterior. A quinta posição na última época parece pouco para um clube com um passado tão vitorioso. A "dupla das Lauras", composta por Laura Feiersinger e Laura Freigang é a principal arma ofensiva. As duas juntas marcaram 10 gols cada na última edição. Além delas, a equipe também conta com a brasileira Letícia Santos, que chega junto ao SC Sand.

Não menos importante, o SGS Essen é outro que pode aparecer como uma grata surpresa. Com uma campanha sólida, conquistaram a quarta posição e se consolidam como uma das equipes a serem observadas. Lea Schüller é o grande nome e pode desequilibrar.


  

Candidatos ao rebaixamento

A parte inferior da tabela também promete boas disputas e os principais candidatos já parecem ser bem visíveis. Chegando da 2. Bundesliga, onde o nível de competitividade é bem menor, 1. FC Köln e USV Jena terão de se superar caso queiram permanecer na elite por mais tempo. Para se ter uma idéia, as equipes terminaram fora da zona de acesso e só subiram por conta do regulamento, que impediu os dois primeiros colocados, Wolfsburg II e Bayern II, disputarem a mesma divisão que as respectivas matrizes. Pelo menos pelo lado do Colônia, houve certo investimento e a equipe, com os novos reforços, pode se sair bem e escapar sem muitos sustos. MSV Duisburg e Bayer Leverkusen também devem se atentar e tomar cuidado com o fantasma da segundona.



A temporada começou neste final de semana e já contou com embates importantes logo nos primeiros jogos. Veja os resultados:

1. FFC Frankfurt 3-2 Turbine Potsdam
USV Jena 1-6 TSG Hoffenheim
SC Freiburg 1-3 FC Bayern München
VfL Wolfsburg 1-0  SC Sand
1. FC Köln 2-1 MSV Duisburg
SGS Essen 3-1 Bayer Leverkusen

Acompanhe a temporada em nosso Twitter. Vem muito mais por aí e elas contam com o seu apoio para alavancar ainda mais o futebol feminino na Alemanha e em todo o mundo.




Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.