Löw fala sobre retornos de Boateng, Hummels e Müller à Seleção, deixa em aberto futuro de Götze e confirma 5 titulares para amistoso

Em coletiva, nesta terça-feira, 10, o treinador Joachim Löw confirmou a ausência de Robin Gosens e as presenças de Kevin Trapp, Antonio Rüdiger, Robin Koch, Julian Brandt e Luca Waldschmidt entre os titulares para o amistoso contra a Tchéquia (amanha, às 16h45, transmissão exclusiva do Ei Plus) e, também, deixou em aberto se Benjamin Henrichs jogará ou não. 


Jogi também falou sobre a lesão de Joshua Kimmich, do Bayern de Munique, o futuro de Marco Reus, estreias dos novos convocados, a rotatividade do elenco e, também, do trio Boateng, Hummels e Müller, além do futuro de Mario Götze, em alta no seu novo clube, o PSV Eindhoven, da Holanda - onde já marcou 3 gols em 6 jogos - e as críticas que têm sofrido.


Sobre a escalação para o jogo: "Ontem apenas sete jogadores e um goleiro estiveram em campo durante o treinamento. É importante incorporar as impressões do treinamento final. Mas Kevin Trapp vai começar na baliza. Ilkay [Gündogan] teve um jogo difícil no domingo (pela Premier League) e temos que ter cuidado porque ele é importante para os jogos da Liga das Nações (ne: no sábado, 14, a Mannschaft enfrenta a Ucrânia e, na terça, 17, a Espanha, por quinta e sexta rodada da Liga das Nações, respectivamente). Rüdiger, Koch, Waldschmidt e Brandt começarão amanhã. Benjamin Henrichs tem um grande ponto de interrogação, ele tem problemas patelares, enquanto Robin Gosens não estará disponível."


Sobre a lesão de Joshua Kimmich: "Essas lesões estavam fadadas a acontecer com o calendário atual. Nós, treinadores, temos de ser muito cautelosos, caso contrário teremos um grande problema no próximo ano. As pessoas responsáveis ​​pela programação têm que tomar decisões porque é tudo muito apertado".


Sobre Marco Reus"Eu falei com Lucien Favre (ne: técnico do Borussia Dortmund). Se alguém conhece bem o Marco, é o Lucien. Sabemos de sua situação, ambos concordamos que Marco deveria usar esses 14 dias de Data FIFA em Dortmund. Ele ficou lesionado por muito tempo e precisa de estabilidade para passar bem o inverno e permanecer estável para encontrar um bom ritmo".


Sobre as estreias de Max, Uduokhai e Baku, convocados pela primeira vez para defender a Seleção: "Os novos jogadores certamente terão a chance de jogar seu primeiro jogo internacional amanhã. Isso está planejado. Sempre tivemos Philipp Max em nosso radar. Nós o vimos em Augsburg e tem jogado muito bem em Eindhoven (ne: 7 participações em gols em 12 jogos). Ele também tem seus pontos fortes no ataque. Chegou a hora de eu nomeá-lo para o time. Definitivamente, planejei uma missão com ele".


Sobre a rotatividade do elenco: "Sei que passos são necessários para o desenvolvimento de jovens jogadores. Não é fácil para nós lidarmos com a situação atual e dar uma pausa deliberada a alguns jogadores de tempos em tempos. Seria mais fácil se eu pudesse sempre jogar com uma equipe idêntica. Mas temos que nos adaptar à situação. Sempre tivemos uma visão clara durante a transição e sabemos que isto está sempre associado a contratempos e resistência. Mas também é muito divertido trabalhar com esses jovens jogadores, sinto uma grande energia e isso é importante para mim como treinador. Vale absolutamente a pena ter confiança no plantel. E tenho certeza de que os jogadores irão recompensá-la algum dia".


Sobre Boateng, Müller e Hummels"Por ora, nada mudou, sigo planejando sem eles. Mas, se tivermos problemas com lesões antes da Eurocopa, reavaliarei a situação dos três".


Sobre Mario Götze"Estou feliz por ele. Seu gol na final da Copa do Mundo de 2014 foi muito importante, mas também gerou expectativas muito altas. Apoiei sua decisão de deixar a Bundesliga. Agora ele está bem de novo, mas temos que dar-lhe tempo"


Sobre as críticas"Estivemos muito mal em 2018, mas em 2019 voltamos crescer mais depressa do que, talvez, muitas outras nações. Aprendemos com os erros que cometemos e continuamos a questionar-nos a nós próprios. Estamos atrás dos jovens jogadores, vai valer a pena".


SIGA O FUSSBALL BRASIL NO TWITTER E NO INSTAGRAM E FIQUE SEMPRE POR DENTRO DAS NOVIDADES DO FUTEBOL ALEMÃO MASCULINO E FEMININO


Löw durante treino da Seleção para partida contra a Tchéquia (AFP)
Löw durante treino da Seleção para partida contra a Tchéquia (AFP)

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.